Como instalar a Google Camera em qualquer Android

Nos aparelhos celulares do Google as pessoas têm por padrão o aplicativo Google Camera instalado, que também marca presença em alguns aparelhos de outras marcas. Como o seu nome sugere, é claro, esse é o programa oficial da marca para fazer a captura de fotos e vídeos, que geralmente é melhor do que o de algumas fabricantes, que nem sempre oferecem muitos recursos ou um bom pós-processamento.

Felizmente, para quem está nessa última situação, alguns desenvolvedores acabam fazendo adaptações no programa do Google para que ele possa ser utilizado em aparelhos não suportados oficialmente. A seguir, veja como obter o Google Camera para usar em qualquer aparelho.

Importante

O processo demonstrado abaixo ensina um dos métodos mais práticos para obter o Google Camera sem requerer o root do celular. Ainda assim, é preciso lembrar que nem todos aparelhos possuem uma versão compatível com o Google Camera.

Também vale o aviso de que mesmo após instalar o Google Camera, você poderá continuar utilizando o aplicativo padrão da câmera de seu aparelho.

Como obter o Google Camera certo para seu aparelho

Existe mais de um caminho para se obter o Google Camera para aparelhos não suportados oficialmente, mas em nosso caso será utilizado um pequeno aplicativo, que facilita bastante essa tarefa. Confira:

1. Acesse a Google Play e realize o download do aplicativo GCamator;

2. Espere o aplicativo analisar o celular e, caso apareça a mensagem de que o módulo “Camera2Api” está ativado, toque em “Device Info”;

Reprodução

3. Mais uma vez, aguarde a checagem do aplicativo e quando tudo estiver pronto, toque em “Click to see GCam for your device”;

4. Conceda a permissão necessária para o download e aguarde que ele seja realizado. Caso apareça uma propaganda nessa etapa, é necessário ver o seu vídeo até o final para prosseguir;

Reprodução

5. Quando o download for finalizado, toque em “Ok” na mensagem que aparece e conceda a permissão necessária no Android para instalar o aplicativo;

Reprodução

6. Então, finalize a instalação do aplicativo do Google Camera;

7. Após ter feito a instalação, na primeira execução, o Google Camera solicitará algumas permissões para poder fazer a captura de fotos e gravar vídeos, além de salvar arquivos em seu aparelho.

Reprodução

O processo exibido acima foi testado em quatro aparelhos da redação do Olhar Digital, sendo que apenas em dois deles foram encontrados erros. Na primeira negativa, o celular não possuía ativo o módulo necessário para usar o Google Camera, enquanto no segundo, o aparelho até possuía o módulo, mas o Gcamator não encontrou a versão certa do Google Camera.

Como instalar o Google Camera em outros aparelhos

Quem não tiver sucesso em instalar o Google Camera com o aplicativo Gcamator pode recorrer a essa página do Xda-Developers, que possui uma lista de ports compatíveis com outros aparelhos. Ao encontrar o modelo de seu aparelho na lista, será preciso baixar um APK e fazer a instalação dele em seu dispositivo.

Pronto! Agora, você já sabe como instalar o Google Camera de forma fácil em seu celular com o Android, mesmo que ele não tenha uma versão oficial do aplicativo.

Via Tekimobile

- Tela inicial de celular

6 Dicas para Economizar a Bateria do seu Celular 

Este artigo foi criado pela equipe Bitdefender para uso exclusivo do blog Aplicativos Android. 

Uma das reclamações mais frequentes entre os usuários é a duração da bateria do celular. No dia a dia, utilizamos o smartphone para realizar diversas tarefas e, muitas vezes, é difícil encontrar um lugar para recarregar quando precisamos.

Se você também faz parte da maioria da população que passa por esse sufoco, nós temos boas notícias: com cuidados simples é possível aumentar o tempo de utilização do seu dispositivo e descobrir os vilões que estão consumindo a sua bateria. Quer saber como fazer isso? Confira abaixo as nossas dicas!

1. Wi-fi e Bluetooth

Essas duas funções são responsáveis por gastar uma quantidade de bateria considerável. O ideal é mantê-las desativadas, mas caso não seja possível, use somente quando necessário e, em outras ocasiões, deixe desativado.

Se você não fizer isso, elas continuarão sendo executadas mesmo se o celular não estiver em uso.

2. Localização

Manter a localização ligada é um dos vilões que mais consomem energia do celular. Hoje em dia, é comum utilizarmos esse serviço em diversas ocasiões, mas tome cuidado para que ela não fique ativada em segundo plano, pois isso faz com que a bateria se esgote mais rápido. Portanto, evite ligá-la quando não estiver precisando.

3. Sincronização

Estamos ligados a vários recursos simultâneos, por isso, cada vez que você executa uma ação que afeta esses recursos, o celular sofre atualizações. Essa função, apesar de ser essencial e facilitar a vida do usuário, acaba por consumir bastante bateria.

Por isso, para você economizar, ative esse recurso em momentos específicos, de preferência quando não estiver com dificuldade para manter seu smartphone carregado.

Além disso, uma ferramenta importante para navegar com tranquilidade na internet e desfrutar de todos os recursos de forma segura é a utilização de um antivírus para Android, que mantenha seu dispositivo protegido contra qualquer ameaça que pode infectar o sistema e consumir ainda mais a duração da sua bateria.

Mulher com celular na mão

4. Brilho da Tela

O brilho automático da tela é uma função inteligente que facilita muito a nossa vida. Ele é um sistema de detecção do ambiente que ajusta a luminosidade da tela conforme a luz do local. Em muitos casos nem percebemos que ele está ativo, mas essa simples função acaba por consumir muita energia, pois exige atualização  constante. 

Para evitar que isso aconteça você pode desativá-la. E quando precisar fazer algum ajuste, recorra ao modo manual.

5. Modo Economia de Energia

A maioria dos smartphones possui essa opção em seu painel de configurações. Ao ativar a ferramenta, o sistema vai diminuir o desempenho para que a bateria se mantenha carregada o maior tempo possível. Para ativá-lo, basta ir nas configurações do aparelho, clicar em bateria e selecionar “Modo economia de energia”.  Em alguns celulares, esse passo a passo pode variar, mas o princípio permanece o mesmo.

6. Modo Avião

Se você estiver em uma situação de muito apuro, pode ativar o modo avião. Dessa forma, a bateria será preservada e você poderá voltar a utilizar o aparelho quando precisar fazer ações rápidas, enquanto não encontra um lugar para recarregá-lo.

Gostou das dicas sobre como economizar bateria? Compartilhe nos comentários caso você conheça mais alguma sugestão! 

Imagens: Pexels (Pixabay) I Unsplash (Paul Hanaoka)

Capas para Facebook, download de mais de 300

Que tal dar uma repaginada no seu Facebook? O site Tekimobile disponibilizou mais de 300 capas para Facebook de todos os tipos: capa para Facebook feminino, capa para Facebook masculina, capa para Facebook divertida, de filmes, séries, jogos e muito, mas muito mais.

As capas são muito importantes para empresas principalmente, pois com elas é possível dar um visual que chama a atenção dos clientes. 

As capas são aquelas imagens que ficam na parte superior das páginas de cada marca/empresa. Abaixo o exemplo encontrado na fâ pageno Facebook do nosso site.

download de capas para facebook

Download de mais de 300 capas para Facebook

Lá vocês terão acesso a todas as capas, dai vocês poderão escolher uma e baixar, bastando clicar com o botão direito do mouse. Agora, caso queira baixar todas de uma vez, clique aqui que temos o arquivo zipado com todas.

5 cuidados com o telefone durante o Carnaval

O Carnaval já está aí e essa é a época do ano em que todos costumam ficar um pouco mais distraídos na hora da folia, ou mesmo para viajar. Mas é possível curtir os dias de festa sem ter tanta dor de cabeça, especialmente com seus eletrônicos, como seu precioso celular. Seguindo alguns cuidados básicos, mas que fazem toda a diferença, você vai poder se divertir à vontade sem estressar depois. Veja as dicas para levar o celular para o Carnaval em segurança.

1. Sem bateria? Nem pensar!

Vai curtir o Carnaval de rua? Se a resposta for sim, é bom estar preparado caso não encontre uma tomada, com tanta facilidade, para carregar seu celular após horas de fotos e vídeos. É sempre bom ter em mãos um carregador portátil (verifique se ele está carregado antes de sair!) para emergências.

Para economizar a bateria do seu smartphone, vale também colocar o aparelho em modo de economia de bateria (se tiver), ou manualmente reduzir o brilho da tela. Deixar o celular em modo avião também ajuda a diminuir o consumo de energia.

2. Cuidado para não ficar sem sinal

Se vai passar o feriado em grandes centros urbanos, é pouco provável que você terá problemas em ficar sem sinal, independentemente da sua operadora. Agora se pretende usar o Carnaval para fugir da agitação e viajar para o interior ou regiões montanhosas, há uma possibilidade de que venha a ter problemas em ficar sem sinal no celular.

Não há muito o que se fazer ao entrar numa região sem cobertura ou quando ela é afetada. No entanto, é possível descobrir se o local para onde você vai tem problemas em relação a isso. O app da Anatel Serviço Móvel (Android e iOS), que é gratuito, permite inserir uma localidade para verificar se há disponibilidade de conexões 2G, 3G e 4G, além de suas coberturas. É uma forma de avisar, a quem quiser, que você pode ficar incomunicável antes mesmo disso acontecer.

 

Smartphone / Pixabay

3. Não perca seu celular de vista

Um dos grandes problemas de períodos festivos, como o Carnaval, são ambientes lotados e repletos de distrações. Isso pode ser o cenário ideal para esquecer o celular em algum lugar ou mesmo ser furtado. Em caso de furto, a recomendação é sempre ir na delegacia mais próxima, mas em relação a esquecimentos há uma forma de prevenir que você se torne um folião do bloco “Unidos do Cadê Meu Celular?”.

Além de capinhas protetoras, com uma correntinha para prender na calça, bolsa ou mochila, você também pode ativar a geolocalização do seu aparelho. Nas configurações do smartphone, vá em “segurança” e habilite o modo “encontre meu dispositivo”, ou algum nome similar. Com esse recurso funcionando, você poderá localizar seu celular via GPS, bloqueá-lo, acionar avisos sonoros (para tentar descobrir onde o deixou), ou mesmo apagar todos os dados remotamente (em caso de roubo ou furto).

Para usar essas funções, você precisa acessar seus dados de cadastro na página do aplicativo em questão, na Internet. Alguns programas permitem, ainda, verificar o nível atual da bateria do aparelho, além de informar a última vez que ele foi conectado. Para iOS, uma sugestão é o Find My iPhone. Para Android, você pode usar um recurso do Google chamado “Encontrar seu smartphone“. Faça seu login e o site te passará uma lista de aparelhos atrelados à sua conta Google para rastrear.

achar celular google

4. Compartilhe sua localização com pessoas de confiança

A salvação dos perdidos, em meio à multidão dos blocos de rua, são os recursos para compartilhamento da sua localização em tempo real. No WhatsApp, por exemplo, você pode programar por quanto tempo um amigo pode te rastrear, inclusive em grupos. Outra forma é usando o Google Maps, onde há uma opção de compartilhar onde está, por até três dias, via link (ou por tempo ilimitado, por meio de uma conta Google).

Para usar o serviço no Google Maps, vá no aplicativo e toque na aba do canto esquerdo do aplicativo. Lá, acesse a opção “compartilhar local” e selecione por quanto tempo a pessoa poderá te rastrear.

5. Cuidado com os efeitos do Sol e chuva

Celulares, assim como a maioria dos eletrônicos, não têm uma relação muito amistosa com excesso de calor, areia, ou água. Está na rua e começou a chover? Se não tiver como guardar seu aparelho num lugar protegido, seja rápido e desligue o smartphone, caso ele fique encharcado. Se o dispositivo permitir, retire a bateria também. Deixe ele secando por um dia, pelo menos, até religá-lo. Isso ajuda a evitar curto circuitos.

Está calor e vai passar o Carnaval na piscina, cachoeira ou praia? A atenção é redobrada com seu aparelho, especialmente por conta do Sol. Cuidado com aquele selfie dentro do mar, por exemplo. A água do mar representa um grande risco ao seu aparelho por conta do sal – que tem grande poder corrosivo e pode “cozinhar” os componentes internos do seu dispositivo.

celular praia / pexels

Se levar o celular para a água for indispensável, existem algumas capinhas especiais e impermeáveis (parecidas com as da GoPro) que protegem bem seu aparelho. Não costumam ser muito baratas, no entanto.

Mas o maior vilão do seu smartphone no verão, época do Carnaval, é mesmo o Sol. O calor em excesso pode danificar a bateria e até mesmo causar o derretimento do componente. Pode parecer besteira dizer isso, mas procure não esquecer seu celular dentro de carros expostos ao Sol ou trancado em qualquer ambiente pouco arejado. Se perceber que seu aparelho está muito mais quente que o normal, a recomendação é desligá-lo um pouco até ele esfriar novamente.

Apk do launcher do Galaxy S8 no seu Galaxy S7

Já havia dito no vídeo que fiz comentando sobre o Galaxy S8, que a maioria dos recursos novos de software que chegariam com o Galaxy S8 aos poucos seriam liberados para o S7. Embora não oficialmente, a galera do XDA já conseguiu portar o launcher do S8 para o S7 e S7 Edge. Saiba como instalar abaixo.

Para o launcher do S8 funcionar em ambos os S7 e S7 Edge, a primeira coisa é estarem rodando o Android 7.0 Nougat. Sabemos que essa atualização já foi liberadan o Brasil para o S7 Flat, porém para o S7 Edge ainda não. Sabendo disso, a instalação é muito fácil.

Veja também | Como instalar o Android 8.0 Oreo no Galaxy S7 e S7 Edge

Basta você baixar o arquivo .apk do launcher do S8 e instalar no smartphone. Continue lendo

Liberendo RAM (MLT Test) em smartphones LG

Essa dica é muito boa para quem está sentindo que seu smartphone da LG está lento e consumindo muita memória RAM. Basta que vocês desativem o MLT Test de seu Smart LG. Este é um processo que roda em segundo plano e envia dados do nosso uso a LG. Ele consome um bom tanto de RAM.

LG_LOGO1

Para desativar, disquem 3845#*410# e vai aparecer o HIDDEN MENU, nesta lista procurem MLT test, e é só clicar e desmarcar a caixinha ENABLE. Reinicie seu aparelho, pois este processo desativa somente no boot. Após isto vá nas configurações de seu Smart e vejam a diferença. (Não mexam em mais nada fora isso, pois nesta lista tem coisas importantes que não devem ser alteradas de forma alguma, não nos responsabilizamos pelo processo e por mal uso).

Como tirar printscreen no Moto G novo

O novo Moto G continua vendendo igual água no deserto, porém os marinheiros de primeira viagem sempre ficam confusos na hora de dar “comandos especiais” no celular. Uma das maiores dúvidas é quanto a tirar printscreen da tela do novo Moto G. Diferente de outras marcas, a Motorola resolveu manter a combinação de tecla original do Android para essa tarefa.

Leiam também: Review Novo Moto G

Se você tem o Novo Moto G segunda geração, para tirar print é bem simples. É só preciso apertar o botão power + volume para baixo ao mesmo tempo e segurar que o aparelho irá fazer a captura de tela automaticamente e salvar. As imagens capturadas ficam salvas na galeria do smartphone.

print novo moto g

android

Dicas para melhorar o uso do Android

Atualmente o Android domina o mercado mobile, e não é pouca coisa não. Segundo pesquisa, 80% dos smartphones vendidos atualmente no Brasil rodam o sistema do robozinho verde. E como estamos em um blog que fala justamente do sistema Android, nada mais óbvio que postarmos aqui para vocês, iniciantes nesse mundinho verde, 8 dicas de como você pode usufruir ao máximo tudo o que o sistema Android pode oferecer. Vale a pena também vocês visitarem nossa categoria que possui somente dicas básicas de uso do Android. Abaixo algumas delas:

Sem mais, vamos agora nos atentar as 8 dicas de como melhorar o uso do seu Android e usufruir o máximo dele. Embora essas dicas tenham sido testadas no android 4.4 Kitkat, todas elas podem ser aproveitadas em praticamente todas as versões do sistema.

android
O super Android!

As notificações chatas, livre-se delas

Basta instalar alguns jogos e aplicativos a mais para que a janela de notificações fique lotada. Muitas delas são úteis, como os avisos de programas de mensagens e e-mails. Mas outras apenas ocupam espaço na janela e não trazem nada de útil.

Felizmente, é possível “silenciar” aplicativos que mandam notificações demais ou sem utilidade. Vá até as configurações do Android e toque em “Aplicativos”. Na tela seguinte, escolha o app que deseja “silenciar”. Na tela seguinte, desmarque a caixa de exibição de notificações.

Falta de memória no Android, como resolver

A maior parte dos celulares Android tem entrada para cartão de memória. Mas, muitas vezes, o sistema está configurado para gravar automaticamente na memória interna do aparelho. Assim, o espaço extra do cartão não é aproveitado.

Para mudar o padrão de gravação para o cartão de memória, vá até as configurações do Android e acesse o item “Armazenamento”. Nele, ative a opção “Cartão SD”. A partir de agora, fotos, vídeos e outros dados serão guardados no cartão, e não na memória interna do smartphone ou tablet.

Como instalar aplicativos de lojas alternativas

O Android já vem de fábrica com a loja de aplicativos do Google, a Google Play, e também ocasionalmente com a loja de aplicativos do fabricante do aparelho. Mas o sistema permite instalar aplicativos de outras lojas. Em alguns casos, como na loja de apps da Amazon, muitos aplicativos são oferecidos de graça ou com desconto. Por isso, usar uma loja alternativa pode ser um bom negócio.

Para usar lojas alternativas, o primeiro passo é autorizar a instalação de aplicativos fora da Google Play. Para isso, no Android, acesse as configurações e toque em “Segurança”. Na tela seguinte, marque a caixa que autoriza instalação de aplicativos de fontes desconhecidas. Em seguida, visite o site da loja de apps desejada e instale o aplicativo (arquivo APK) para baixar aplicativos dela.

Vale ressaltar que muitas lojas alternativas não verificam os aplicativos oferecidos, o que pode resultar em vírus e outros tipos de malware. Por isso, caso vá acessar lojas alternativas, prefira aquelas de empresas conhecidas, como a Appstore da Amazon.

Como fechar aplicativos e deixar o aparelho mais rápido

Principalmente em celulares mais básicos, é comum que o aparelho fique lento à medida que mais aplicativos são abertos. Por isso, é bom limpar a lista de aplicativos em execução de vez em quando.

Nas versões 4.0 ou superiores do Android é fácil fazer isso. Basta tocar no botão da lista de aplicativos mais recentes e, com um gesto para direita ou esquerda, remover o aplicativo da lista. Outra forma é tocar por alguns segundos sobre o aplicativo, escolher a opção “Informações do aplicativo” e tocar em “Forçar parada”.

Vale ressaltar que alguns aplicativos, como os de redes sociais, mensagens e e-mails, costumam funcionar em modo background para que possam receber mensagens e alertar o usuário.

Como eliminar som de notificações

Muitas vezes você quer deixar o volume do celular alto para ouvir novas chamadas, mas não quer incomodar ninguém com barulhinhos a cada nova notificação. Felizmente, o Android permite anular os sons apenas das notificações.

Para fazer isso, acesse as configurações do Android e depois as configurações de som. Na tela seguinte, toque na opção de som de notificação e escolha nenhum. Pronto, seu celular não fará mais barulho quando receber notificações.

Como evitar que a tela desligue a toda hora

A tela do smartphone desliga muito rápido quando não há atividade no aparelho? Dá para se livrar desse problema alterando as configurações do Android. Acesse as configurações e depois toque na opção “Tela”. Na tela seguinte, toque em “Modo de espera” e escolha o tempo máximo de atividade da tela com o aparelho sem uso. O máximo é de 30 minutos.

Como apagar todos os dados do smartphone ou tablet

Reprodução

Apague dados antes de emprestar ou vender tablet

 

Vai vender seu tablet ou smartphone com Android? O melhor a fazer é apagar completamente seus dados do aparelho.

Para fazer isso, acesse as configurações do aparelho e toque na opção “Fazer backup e redefinir”.

Na tela seguinte, toque na opção “Configuração original” para apagar todos os dados e aplicativos instalados após a compra.

Como ter mais de um usuário no aparelho

A partir da versão 4.2, o Android passou a ter suporte para várias contas de usuário no mesmo aparelho. Dessa forma, duas pessoas podem usar o mesmo aparelho mantendo senhas, aplicativos, ajustes e arquivos separados.

Para fazer isso, no Android, acesse a área de configurações e depois toque na opção “Usuários”. Na tela seguinte é possível configurar a conta adicional. Note que o primeiro usuário é considerado o administrador do aparelho e pode apagar a conta adicional a qualquer momento. Vale observar também que o usuário adicional deve ter uma conta no Google para usar o aparelho.

Como configurar Internet 3G e 4G no Android na Vivo, Claro, Tim e Oi

Acabou de comprar seu smartphone com Android novinho, mas não sabe como configurar a internet 3G ou 4G nele? Independente de qual operadora seja a sua: Vivo, Claro, Tim ou Oi, configurar a internet 3G ou 4G no seu Android é bem simples, basta seguir a risca nosso tutorial. Na realidade, o que você vai faze é simplesmente configurar o APN das operadoras.

Conheçam o Tekimobile, um portal de notícias para quem gosta de tecnologia.

configurando-APN-no-Android

Antes de começar, gostaria de lembrar que o caminho para as configurações descritas abaixo pode mudar de smartphone para smartphone. Pois cada marca usa um caminho, ou até mesmo a versão do Android muda. Porém, a lógica utilizada é a mesma e não será difícil para vocês acharem o caminho certo. Vamos lá, tá tudo separado por operadora:

Claro

Faça o seguinte caminho: MENU > Config > Redes sem fio e outras > Redes Móveis > Pontos de acesso >Pressione Menu > Novo APN. Feito isso, coloque as seguintes informações da operadora em questão:

  • Nome: Claro Internet
  • APN : claro.com.br
  • Usuário: claro
  • Senha: Claro
  • Tipo de autenticação: Normal
  • Tipo de APN: INTERNET
  • Acesse Menu > Salvar

Para as outras operadoras, faça a mesma sequência, mudando apenas as informações colocadas no meno do APN.

TIM

  • Nome: Tim Internet
  • APN : tim.com.br
  • Usuário: tim
  • Senha: tim
  • Tipo de autenticação: Normal
  • Tipo de APN: INTERNET
  • Acesse Menu > Salvar

Vivo

  • Nome: VivoInternet
  • APN : zap.vivo.com.br
  • Usuário: vivo
  • Senha: vivo
  • Tipo de autenticação: PAP
  • Tipo de APN: INTERNET
  • Acesse Menu > Salvar

Oi

  • Nome: Oi Internet
  • APN : gprs.oi.com.br
  • Usuário: oi
  • Senha: oi
  • Tipo de autenticação: Normal
  • Tipo de APN: INTERNET
  • Acesse Menu > Salvar

Como economizar bateria do seu Android para o dia todo

A cada dia que passa os smartphones com Android estão mais poderosos. Podemos citar o LG G3, Galaxy S5 e tantos outros que são mais poderosos que a maioria dos notebooks a venda. Porém, por outro lado, existe um aspecto nos smartphones que evolui a passo de tartaruga: a bateria. Quanto mais usamos o nosso smartphone com Android e mais recursos inovadores do Android passamos a usar diariamente, mais as baterias acabam rapidamente, dificilmente aguenta um dia inteiro. Porém, existem algumas dicas simples que podem fazer uma enorme diferença e te ajudar a garantir que você tenha pelo menos um pouco de carga ao fim de um dia no seu Android. Nesse artigo, iremos nos concentrar em algo simples: as configurações do Android.

Desligue o que não estiver usando

O que caracteriza hoje um smartphone são suas conexões. A maioria dos smartphones com Android atuais são repletos de formas de comunicação, ai que vem o ponto principal: na maioria das vezes nem todas são usadas durante o dia todo. Por exemplo: Quem ai utiliza o GPS o dia inteiro? Aposto que poucos de vocês.

Imagem2

O GPS é um dos sensores que mais consomem energia no celular. Deixar ele ligado vai te poupar uma boa quantidade de carga. Faça uma lista do que você usa durante o dia: GPS, Wi-Fi, Bluetooth, 3G, 4G e NFC. A regra é simples: Se não usa, não deixe ligado. Grande parte dos smartphones tem atalhos e maneiras simples de ligar e desligar esses recursos, portanto, use-os. Se não for usar outro dispositivo pareado com o seu celular por Bluetooth, desligue. Se estiver na rua, sem qualquer rede Wi-Fi aberta, desligue. E assim vai.

Diminua o brilho da tela

brilho

Regular o brilho da tela para um nível muito alto consome mais energia da bateria, na realidade se você for no Android e verificar o que mais está gastando bateria, provavelmente a tela estará em primeiro lugar. Deixar a tela mais escura, portanto, vai ajudar a bateria a durar mais.  Em smartphones com a opção de regulagem automática ativá-la é uma boa opção. Com isso, ele vai se adaptar e em locais com pouco iluminação sua tela ficará mais escura também.

Verifique como está o sinal da sua operadora

Quando o smartphone está em um lugar com sinal ruim (ou sem sinal) ele se esforça mais para encontrar sinal. Isso faz com que a energia da bateria seja consumida mais rapidamente. Se você estiver em algum lugar onde o sinal está ruim e você não precisar usar a rede, desative a rede móvel, ou coloque o aparelho em modo avião.

Desative as notificações (olha o vício nas redes sociais!)

Para saber se você foi citado no Facebook, no Twitter ou checar seu e-mail, o smartphone precisa se comunicar com o serviço. Nas configurações do seu smartphone é possível escolher quais apps irão fazer isso automaticamente. Deixar apenas aplicativos essenciais com as notificações ligadas ajuda a consumir menos energia. Outros tipos de notificações como e-mails, SMSs, atualizações de apps, etc. Todas essas são configuráveis. prioridade-notificacoes-android-l Aqui uma dica saudável: Na maioria dos casos, não é necessário que você fique olhando o que há de novo de minuto em minuto nas redes sociais. Desativar as notificações de redes sociais, além de economizar energia, te garante uma vida social mais saudável =)

Use o modo de economia de energia

Muitos smartphones à venda têm alguma forma automática de economia de energia. Um exemplo é o Samsung Galaxy S5. Ele tem um modo de economia extrema, que chega a deixar a tela em preto e branco para gastar menos. Os smartphones da Sony possuem o modo Stamina que desliga automaticamente todas as conexões quando o celular está em Stand-by. A LG também possui um modo economia parecido nos seus smartphones mais vançados.

stamina

Além disso, existem muitos aplicativos em todas as lojas que servem exatamente para isso. Basta procurar um.

Cuidado com papéis de parede animados e Widgets

Existem muitos jeitos de mudar o visual do Android, um deles são os papéis de parede animados. Embora sejam bonitos, eles consomem bastante bateria, carga que irá fazer falta no fim do dia. Escolher um papel de parede estático ajuda a economizar bateria.

No Android você pode configurar vários Widgets na tela, a maioria são realmente úteis. Mas tome cuidado com os que mostram informações online: Widget de tempo, de noticias e redes sociais. No geral, eles automaticamente se conectam a internet para atualizar as informações. Isso obviamente consome bastante energia. Alguns de redes sociais até baixam fotos para exibir nos Widgets. A dica aqui é simples, ou aumente o tempo de sincronização deles, ou simplesmente desligue.

Abuse do modo avião

modoaviao Caso o smartphone esteja dando seus últimos respiros pode ser preciso ativar o modo avião. É uma boa dica para quem sabe que vai precisar do aparelho depois, mas que não precisa dele no momento. Ela é boa para quem precisa acessar arquivos armazenados no smartphone, mas não precisa se conectar à internet ou à rede celular.

Dica extra: Compre um case com bateria ou carregador externo

Para as bateria que já não aguentam o dia todo, uma alternativa são as capas com baterias . É preciso carrega-las em uma tomada convencional. Na hora do desespero, com a bateria chegando ao fim, é só acoplar a capa ou então conectar a bateria ao smartphone.

bateria externa

Outra dica são as baterias externas. Hoje em dia a maioria dos fabricantes vendem elas como acessórios, normalmente essas são mais caras. Mas existem marcas de terceiros confiáveis que praticam preços menores. A vantagem frente aos cases são as capacidades variadas. Existem bateria que normalmente são do tamanho do próprio celular que possuem capacidades de até 2 ou 3 vezes mais que o próprio smartphone. Isso significa pelo menos 1 ou 2 dias a mais de carga para seu smartphone!

Gostaram das dicas? E vocês, o que tem feito para aumentar a vida útil da bateria dos seus queridos smartphones? Compartilhe conosco abaixo nos comentários!